ESCOLA DE CRAQUES - RIVIERA DA BARRA

Escola de Craques.png

O projeto atende no total 50 crianças e adolescentes, no contra turno escolar, moradoras de Vila Velha/ES, estudantes do ensino fundamental e médio, de 09 a 18 anos incompletos, através do ensino de uma modalidade esportiva de muito apelo social no Espírito Santo (futebol de campo), com recursos humanos especializados e estrutura física adequada, oportunizando aos alunos e comunidade lazer e socialização.  

 

OBJETIVO

O Projeto visa auxiliar, através do esporte e das atividades complementares, na formação de um cidadão socialmente responsável, capaz de contribuir com o crescimento da sua comunidade, envolvendo com o projeto, não só o atleta beneficiado, mas toda sua família.   


OBJETIVOS ESPECÍFICOS:  

1 Despertar o interesse na prática de uma nova modalidade esportiva;  

2 Vivência de situações esportivas capazes de contribuir no crescimento do indivíduo;  

3 Fomentação do esporte na comunidade;  

4 Diminuição da evasão escolar usando o esporte como vetor de incentivo e permanência na c

6 Ensinar e construir novos valores através da prática esportiva orientada, promovendo saúde mental, física e emocional aos praticantes, integrando-os socialmente;  

7 Auxiliar, através do esporte e das atividades complementares, na formação de um cidadão socialmente responsável, capaz de contribuir com o crescimento da sua comunidade, envolvendo com o projeto, não só o atleta beneficiado, mas toda sua família;   

 

Os profissionais necessários para a execução do projeto são:  

Educador Físico - 20 horas semanais  

Assistente Social - 20 horas semanais 

Coordenador Geral - 30 horas semanais  

Supervisor Técnico - 30 horas semanais  

Supervisor Administrativo - 25 horas semanais 

 

O trabalho complementar de palestras será feito em parceria com Prefeituras locais, Sesi e Senac, portanto de forma gratuita. Nesta fase será também realizado a divulgação do projeto junto às escolas públicas próximas da região escolhida para a execução do mesmo, distribuição de panfletos informativos nas comunidades, mídias especializadas e redes sociais. 

 

As turmas serão divididas por faixa etária, em horário do contra turno escolar. Terão no máximo 25 alunos em cada turma, com um profissional por turma, permitindo total atenção aos atletas participantes. A duração da aula será de 1 hora.  A metodologia de ensino/treinamento utilizada no projeto é construída de acordo com a faixa etária dos alunos, tal quais os estágios percorridos pela criança em seu desenvolvimento motor. Aspectos psicológicos e sócio-afetivos também são considerados e em todos os momentos os conceitos de trabalho em equipe são trabalhados com os alunos. 

 

São realizadas reuniões de avaliação técnica mensais, que visam buscar melhorias na aplicação da metodologia, e fazer observações quanto as questões comportamentais e se necessário for, encaminhar algum caso para a equipe de serviço social. Realizaremos o recebimento dos boletins escolares para avaliar as metas propostas, e auxiliar os alunos em como melhorar sua situação escolar. 

 

O LOCAL ESCOLHIDO PARA A REALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE CAMPO TEM LIVRE ACESSO À PESSOAS COM LIMITAÇÃO DE MOBILIDADE E PERCEPÇÃO (portadores de deficiência e idosos). NÃO POSSUI ESCADAS OU RAMPAS POR SER UM LOCAL PLANO. TODA A ÁREA DE CONVIVÊNCIA, DÁ VISÃO PARA TODOS OS CAMPOS E OS BANHEIROS SÃO ACESSÍVEIS AOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA E IDOSOS